Adesivos para Carro de deficientes

Os novos adesivos para carro de deficientes disponíveis no mercado têm como objetivos identificar os veículos dos portadores de deficiência física que contam com uma dificuldade grande de locomoção, e já estão disponíveis através do Departamento Estadual de Trânsito de sua região.

A grande mudança acontece na impressão, esta que traz em seu verso os números de placas do veículo e de habilitação do condutor, de acordo com o órgão as mudanças devem servir para facilitar toda a identificação por parte dos agentes de trânsito, o que relatam ser difícil identificar toda a autenticidade necessárias do antigo adesivo do Detran. Somente pessoas que possuem modalidades reduzidas, ou seus representantes legais é que tem direito a este tipo de adesivo.

Adesivos para Carro de deficientes

Em especial as vagas são maiores, com espaços adicionais para as saídas de cadeiras de rodas ou ainda de muletas. Além de tudo isto, ficam preferencialmente localizados junto as entradas de estabelecimentos. Os demais deficientes que não tem dificuldades de locomoção não tem direito as vagas e nem mesmo ao adesivo.

Os condutores motoristas de deficientes podem também ter o direito a este adesivo para carro de deficientes.

Uma outra mudança interessante é relativa ao adesivo laranja, este que está destinado para os condutores de deficientes. Aqueles que não tiverem condições de dirigir, mas tem pais, cônjuges ou ainda parentes como tutores ou curadores poderão solicitar o adesivo junto ao Detran do seu estado, e garantir um direito as vagas especiais.

Que tipos de documentos são necessários para solicitar o adesivo para carros de deficientes?

Dente os documentos necessários para os carros de deficientes, é importante que o usuário conte com um atestado médico atualizado, original ou cópia autenticada emitidos em no máximo dois meses, comprovando a sua mobilidade ou mesmo seu representante legal.

O atestado médico original ou cópia autenticada emitidos a no máximo dois meses comprovando mobilidade reduzida, no qual contenha o CID da patologia, bem como a descrição de quadros físicos do paciente, como o nome, CRM e assinatura dos médicos, cópias de CNH do condutor, comprovante de residência, e cópia de certificados de registros de licenciamento do veículo.

 

Deixe um Comentário: