Curso Superior de Engenharia de Manutenção – Detalhes do Curso

A área de Engenharia de Manutenção nada mais é do que um ramo de engenharia que é voltado para uma aplicação diferenciada de conceitos da otimização de equipamentos de processos e de orçamentos, de forma que possa até mesmo se alcançar uma manutenção melhor e também uma fiabilidade bem como uma disponibilidade total dos equipamentos determinados.

Sobre os conhecimentos e aplicações da engenharia de manutenção

Levando em conta todo o universo existente da engenharia, a engenharia de manutenção é uma especialidade diferenciada e multidisciplinar que além dos conhecimentos de manutenção específicos, envolve também a estatística, a logística, a confiabilidade e a previsibilidade. Tudo isto ainda requer conhecimentos que sejam bem específicos relacionados com as áreas de aplicações, dentre elas as áreas de mecânica e de eletricidade além da química.

Curso Superior de Engenharia de Manutenção

Vale citar ainda que a engenharia de manutenção se aplica praticamente a uma grande totalidade de atividades tanto de ordem econômica como também de ordem social, mas acaba se tornando cada vez mais relevante para operações específicas e também organizações cada vez mais complexas. Levando isto em conta, existe uma grande importância desta área para áreas distintas como hospitais, indústrias de siderurgia, indústrias de automóveis, indústrias têxteis, extração de petróleo, entre várias outras áreas.

As funções de um engenheiro de manutenção

Como funções principais de um engenheiro de manutenção, podemos incluir situações diversas, dentre elas a otimização de estruturas de organização e manutenção específicas.

Além de análises de falhas repetitivas, de equipamentos e também outros fatores.

As estimativas de custos de uma manutenção e uma avaliação específica de alternativas.

A avaliação de todas as necessidades em termos voltados para a renovação dos equipamentos bem como um estabelecimento de programas voltados a manutenção.

A avaliação de necessidades de qualificação técnica e ainda profissional do pessoal de manutenção bem como a identificação e o reporte de riscos em termos de segurança. Tudo isto envolve as funções de um engenheiro de manutenção.

Esta é uma área em forte evidência no mercado atualmente, e existe uma grande procura por estes profissionais qualificados e poucas quantidades de profissionais capacitados, por isso se a engenharia é a sua área de interesse, vale a pena investir.

 

Deixe um Comentário: