Curso Superior Engenharia Geográfica – Onde atuar?

Este é um ramo de engenharia que acaba captando e analisando todos os dados de cunho geográfico, para uma elaboração de mapas determinados. Com isto levando em conta uma base de pesquisas de campo e cálculos, este engenheiro planeja ainda a orientação, e dirige até mesmo e supervisiona todo o seu levantamento, bem como a sua análise e a interpretação determinada dos aspectos geográficos e físicos de uma região determinada para produzir os mapas e cartas que são impressas ou mesmo digitais.

O seu trabalho deverá servir sempre de uma base para que os engenheiros civis possam ter todas as condições necessárias para a construção de prédios, de barragens, estradas, e redes de água e esgoto, energia, entre outros.

Curso Superior Engenharia Geográfica

 

O profissional deverá estar apto a orientar todos os projetos de loteamento e ainda poderá definir todos os traçados de cidades determinadas. Este profissional deverá acima de tudo estar apto a orientar os projetos de loteamento e definir ainda os traçados de cidades, o que se costuma prestar consultoria par prefeituras, indústrias e grandes construtoras determinadas. Ele deverá ainda atuar a criação determinada, a organização e a atualização dos arquivos de informações determinadas tanto de forma geográfica e também topográfica.

Sobre o mercado de trabalho para estes profissionais

Com relação ao mercado de trabalho para estes profissionais, podemos citar que as prefeituras municipais, e principalmente de cidades do interior, costumam até mesmo requisitar muito este profissional. Este profissional ainda é solicitado para as atividades como fazer um cadastro de forma técnica e rural e urbano do município e também para que se possa atualizar os sistemas determinantes e cadastrais para cobrar impostos prediais e territoriais urbanos.

A remuneração oferecida para este profissional é equivalente de R$ 3.060 para uma jornada de trabalho de seis horas diárias.

Sobre o curso

Com relação ao curso, podemos citar que as disciplinas básicas de engenharias como a física, o desenho e a matemática, se somam principalmente a matérias de formação profissional de cunho específico. Os alunos ainda aprofundam os conhecimentos relacionados a geodésia. Os alunos são ensinados a empregar todas as tecnologias de ponta úteis no momento. A duração de curso é equivalente de cinco anos.

 

Deixe um Comentário: