Reviews Kobo H20

Com o sucesso do leitor de livros digitais Kindle, muitas empresas passaram a lançar as suas próprias versões dos dispositivos. Uma delas é a Kobo, que lançou o seu produto nos Estados Unidos e que passou a vender no Brasil a partir de uma parceria com a Livraria Cultura, algo muito parecido com o que a Saraiva fez com o Lev.

 

O Kobo H20 apresenta algumas diferenças com relação ao modelo da Amazon que é a referência para o segmento. Uma delas é o fato da tela ter uma resolução maior do que a maioria dos leitores vendidos no Brasil. De acordo com as informações da desenvolvedora, a resolução fica 1.430 por 1.080 pixels, o que permite uma maior qualidade de imagem.

Reviews Kobo H202

A tela tem o tamanho de 6,8 polegadas, o que também é um pouco maior do que a média dos modelos lançados no Brasil. Mas mesmo com estas diferenças nas configurações da tela, ele exibe apenas tons de prata, e variantes de cinza.

De um modo geral, o design do projeto segue basicamente a linha dos lançamentos da Amazom, especialmente os mais recentes, com uma borda um pouco maior para tornar o ato de segurar o equipamento para leitura mais simples e fácil.

Reviews Kobo H203

Um outro detalhe que torna o Kobo diferente quando comparado com os seus concorrentes é o fato de apresentar uma vedação que impede que o aparelho estrague quando mergulhado na água, mesmo que seja apenas por um metro de profundidade, e também evita que entre muita poeira no interior do equipamento, o que ajuda a tornar ele mais durável.

Reviews Kobo H204

Em termos de formatos suportados, o aparelho conta com as seguintes compatibilidades:

– e-books: e-pub, e-pub3, PDF e MOBI

– Imagens: JPEG, GIF, PNG, BMP e TIFF

– Texto: TXT, HTML, XHTML e RTF

– Revistas em quadrinhos: CBZ e CBR

– Compatível com e-Pub e Adobe DRM.

Reviews Kobo H205

Portanto, o aparelho conta com uma resolução de tela mais alta do que os seu concorrentes, mas possui um sistema instável e um preço mais alto, que fica na média dos R$ 799,00.

Deixe um Comentário: