Siniav – O fim do Roubo de Veículos

Assim que o SINIAV se tornar realidade poderemos dizer que os roubos de carros não será mais um problema! Após um carro ser roubado o dono só prescisará avisar a Polícia sobre o roubo, e as antenas de fiscalização enviará informações sobre a localização do veículo. Com apenas uma triangulação a policía encontrará o carro rapidamente!

Apartir desse ponto surge outra polêmica, empresas especializadas em rastreamento de veículos atráves de satélites ficarão abandonadas, já que o SINIAV fornece essa função.

Então qual seria a saida para não levar dezenas de empresas brasileiras especializadas a falência? Eis aqui mais uma polêmica sobre o Siniav!


17 Comments

  1. Alexandre says:

    A solução para estas empresas é a mudança, a adaptação. Vamos pensar nas diferentes empresas que para sobreviver tiveram que fazer mudanças radicais. A Nokia por exemplo, Fundada em 1865, como produtora de papel, passando para fabricante de botas de borracha e capas de chuva, depois para rifles de caça, depois para produtos eletrônicos e enfim celulares.

    A mudança faz parte da nossa vida, de uma forma ou de outra. Adaptar-se é a única solução.

  2. TEIXEIRA says:

    O SINIAV é um sistema de seguraça Democratico pois todos terão acesso a ter o seu veiculo assegurado e não mais somente os ricos.
    As seguradaroa teria uma empresa estatal como referência em taxa de seguros, não mais cobraria presos abusivos e criaria novas mandeiras de adequa os seus serviços para atender a todos.
    Não exquecendo que o mercado e de livre Concorrencia.
    E o papel do SINIAV é vacinar contra excesso de acidentes de transito papel este que a empresas não fazem.

  3. Rui says:

    Chip no carro, passo importantísso na agenda global. Próximo passo (já em andamento) chip no seu documento de identididade e o seguinte diretamente em você…

    GLOBALISMO (NOVA PALAVRA PARA NAZISMO) – Por enquanto na fase de preparação para um regime TOTALITÁRIO GLOBAL

  4. xavier says:

    Gostaria de Saber qual area de cobertura , Veiculos em br como localizar rastrear e monitorar. As empresas de monitoramento devera alterar os valores do servico claro para cima.

  5. THE DUKE says:

    Mentira, mais uma mentira pra arrancar dinheiro e controlar a vida das pessoas. Sistema inconstitucional.

    537 carros roubados por dia em sp, quantos policiais serao necessarios para perseguir, prender e recuperar todos esses carros?

    http://noticias.r7.com/sao-paulo/noticias/sao-paulo-tem-537-carros-segurados-roubados-por-dia-20120707.html

    O que eles querem é multar. Se o motorista ultrapassar a velocidade maxima, mesmo que seja por 1 segundo apenas, já estará multado automaticamente. INDUSTRIA DE MULTAS EH ISSO QUE ELES QUEREM. ARRANCAR SEU DINHEIRO E SEU DIREITO DE DIRIGIR. SISTEMA VIGARISTA QUE NAO EXISTE EM LUGAR NENHUM DO MUNDO!!!!

  6. Jorge Antonio Xavier says:

    Não acredito que há pessoas que acreditam que o SINIAV é o fim do roubo de veículos. Primeiro, o rastreador obrigatorio não garante que o ladrão quebre o vidro do veículo para roubar o rádio. Segundo que a primeira coisa que o ladrão fará ao roubar o carro é arrancar o rastreador do pára-brisa. Democrático não, pois o uso do rastreador vinculado ao SINIAV não é direito de escolha do cidadão. É uma coleira obrigatória.

  7. marcos says:

    isso eh inutil, quando eles roubam eles usam o jammer( capetinha) e o sinal cai… cai bisso tambem.

  8. delio h cavalcante says:

    É óbvio que o fim do roubo de veículos é utopia. o malandro vai dar um jeio de arrancar esse troço, bloquear o sinal, etc. Não gosto nem um pouco da idéia de er meu veículo observado 24 horas por dia, por não sei quem, nem com qual interesse oculto. Tá preocupado com teu carro, tem medo de roubo? Põe no seguro e pronto! Quer algo melhor que isso, contrata o rastreamento. Nesse ritmo chegará o dia em que nós, seres humanos, seremos chipados por causa de alguma “boa” justificativa.

  9. Fhazarakhmad says:

    Carlos,Em Direito, estuda-se a fugria do Leviate3, o monstro criado pela sociedade para gerir seus interesses. Quando o Estado (Leviate3) se hipertrofia, devora os seus criadores e inverte os interesses coletivos, passando a valer os interesses do Leviate3(Estado hipertrofiado).Como um Estado se hipertrofia?1. pela substituie7e3o do interesse coletivo pelo interesse da classe ou grupo dominante;2. pelo excesso de regulamentae7e3o das atividades sociais;3. pela falta de c9tica e de escrfapulos dos governantes;4. pela alienae7e3o do seu povo, atrave9s do populismo, da ditadura, da manipulae7e3o de dados;5. pelo criminoso cerceamento dos direitos humanos be1sicos: educae7e3o, safade, saneamento, prevideancia social, eleie7e3o livre, acesso e0 informae7e3o e ao conhecimento;6. e muitos mais exemplos, que cada um podere1 acrescentar.Quem je1 viveu mais de quarenta anos no Brasil, lembra-se das idas e vindas da chamada geste3o pfablica . Geste3o pfablica no Brasil tem sido vista como plataforma de ditadores e populistas. Tivemos desburocratizae7e3o ; um decreto lei 200 , instrumento me1gico que resolveria todos os problemas da geste3o pfablica em 1968; outras iniciativas burocre1ticas, mas todas esvaziadas com o passar do tempo. Criamos siglas, INSS, SEPLAN, ANP etc. Criamos Ageancias Reguladoras que nada regulam; criamos Controladorias que nada fiscalizam. Criamos empresas pfablicas para empregar correligione1rios e depois as vendemos em concorreancias nebulosas. Criamos factf3ides, o povo e9 iludido com ufanismo, “panis et circum”, com samba, com futebol, com “pre9-sal”.Para entendermos toda essa probleme1tica, faz-se necesse1rio buscar a Teoria Geral do Estado e encontrar os filf3sofos gregos, Locke, Hobbes, Rousseau, Montesquieu, os contempore2neos e, principalmente, Maquiavel. Assim sere1 possedvel entender o Leviate3 e colocar em seus devidos lugares os poderes constitucionais do Estado em que vivemos, com um executivo que administra, um legislativo que cria normas e um judicie1rio que diz da aplicae7e3o das leis.Em concluse3o, o Estado e9 maior que um partido poledtico e uma filosofia poledtica. O Estado existe em fune7e3o da Nae7e3o, mas, hoje em dia, vemos que o povo sf3 serve como ferramenta para eleger os representantes dos grupos mais “espertos”, sacerdotes do deus Leviate3, que je1 ne3o se3o mandate1rios dos poderes outorgados pelo povo, a verdadeira esseancia do Estado. A efice1cia sere1 pura consequeancia de boa aplicae7e3o da c9tica.Abrae7osLuiz RamosPS. Continue sempre com sua pesquisa e sua meritf3ria busca de conhecimento.

  10. bartolomeu says:

    muito facil falar bota no seguro e pronto!quando tinha 18 anos fui assaltado e me levaram 2 motos em 1 ano e eu nao podia pagar seguro.

    acho uma boa saida para reduzir os roubos a veiculo.

  11. tio almir says:

    Que nada.
    Se um carro passar sem o chip ao lado de uma viatura, esta logo detectará a ausência de sinal identificador e parará o meliante automaticamente.
    Este sinal é só tem, ou não tem chip. sua identificação, em caso de dúvida, só será utilizada se for necessária…
    é a TI a serviço de uma sociedade menos bárbara !!
    Fora lobbies…

  12. Luciana Mazza says:

    Corrigindo o tio almir: a viatura NÃO detectará a PRESENÇA. Há falhas. O meliante pode se mascarar a um cardume de carros. O efeito só seria eficaz se a rodovia for estrangulada, digamos, com uma blitz derivada de uma denúncia (causando engarrafamentos). Mas para isso não haveria necessidade do chip pois, com ou sem, o meliante seria pego (isso se ele não perceber o engarrafamento e fugir por outra rota).

  13. Tereza says:

    Um absurdo! Então todos os cidadãos também devem ser “chipados” para que o Estado vigie a todos em nome da segurança? E quem vigia os políticos e os corruptos? Quem vigiará os funcionários públicos que poderão utilizar as informações para benefício próprio? Quem disse que o governo tem legitimidade para isso? Queremos uma consulta pública ou uma ação cívil pública contra isso já!

  14. Matheus says:

    A que ponto este site chegou…
    Como alguém em sã consciência pode colocar na balança o fim de roubos e furtos de veículos no país de um lado e do outro a falência de empresas especializadas???
    Tá certo, que continuemos morrendo, sendo feridos, aterrorizados, traumatizados e lesados das mais diversas formas para que não haja prejuízos para as empresas especializadas!!

  15. André says:

    Minha opinião é que essa vigilância imposta é um absurdo!
    Seremos monitorados 24 horas por dia! A privacidade das pessoas estará sendo invadida.
    Quem quiser segurança para seu veículo, que contrate um serviço de rastreamento, conseguindo até desconto no seguro do veículo, podendo localizar seu bem pela internet em tempo real.
    Ser monitorado por serviços públicos, sabidamente corruptos, com a intenção de aumentar a “indústria da multa”, além de tirar a sua privacidade. Amanhã estariam vendendo seus itinerários a empresas, detetives particulares e sabe-se lá mais pra quem !
    Temos que lutar contra essa lei sem lógica…

  16. Thiago says:

    Engraçado, todos reclamam do valor dos seguros, da violência, dos acidentes, excesso de velocidade. Agora ao desenvolverem uma ferramenta que ajudará no controle de quase tudo isso, reclamam. Alienados que vivem dentro de um paradigma imposto por leigos ou mentes fechadas.

  17. nicolau says:

    Para impedir roube de veiculas não vai adiantar nada, pois o ladrão arranca fora o chip entra em ruas laterais onde o sistema não está implementado e some com o veiculo para o desmanche somente vai ter uma utilidade arrecadação em IPVA e ainda contestável multa por velocidade media onde o sistema não vai ter precisão para medir os tempos, pois sendo um sistema de RF qual quer interferência no momento da passagem (ou mesmo não se sabe o ponto exato em que o veiculo passou com erro de 5 a 10m)pelos sensores pode causar erros de cronometragem ou até mesmo não pegar o veiculo.

Deixe um Comentário: