SINIAV ou SINRAV – Somente em 2012

O Contram ( Conselho Nacional de Trânsito) estendeu para Agosto de 2012 o prazo para que todos veículos leves, comerciais leves, caminhões, ônibus, ciclomotores, motocicletas (de qualquer cilindradada), triciclos, quadriciclos, tratores, reboques e semi-reboques, além dos modelos importados possuam instalado o Chip Siniav.

A decisão  foi tomada pelo Contran devido o país não possuir ainda a infra-estrutura de telecomunicação exigida para pelana operação do Siniav.

O Sistema ainda está impedido de ser instalado também devido a duas ações judiciais, o Ministério Público Federal alegou que o uso do equipamento feria a privacidade dos donos de veículos, uma vez que suas vidas seriam monitoradas 24 horas por dia.

Por: CarPlace


20 Comments

  1. Ferris Bueller says:

    There is a huge mistake here — SINIAV is a different thing from SINRAV;
    Siniav deals with RFID tags for vehicle ID while Sinrav is a GPS/GPRS tracking device.

    Siniav is not suffering from any delay. Ex.:

  2. Rodrigo says:

    Prezados,
    Venho comunicar que a matéria está equivocada. O Siniav não está com medida judicial obstando sua implantação. O sistema está pronto e regulamentado. O Siniav é um sistema de monitoramento no qual o veículo apenas é identificado quando passar por alguma barreira. O Siniav irá trazer muitos benefícios para a população, no sistema de gestão de transito, inibição ao roubo e furto de cargas e automóveis, possibilidade de incluir o pedágio por km rodado de forma a baratear o custo das tarifas. Apenas o SINRAV está com medida judicial.

  3. Alex Miranda says:

    SINIAV ? isso té mais para Big Brother Governamental !!

    Sou contra essa lei mais como no brasil o povo só acorda quando já foi emtubado tá Susa mais uma palhaçada que o brasilero vai aceitar sem reclamar eitáaa Brasilzão veio tamo Fudido mesmo !

  4. Augusto says:

    Beleza pura ! ! Controle através do Mondex agora Siniav , as pessoas não percebem, mas estamos caminhando para um controle totalmente tudo e todos ! E não vai adiantar aquele papo de que ” haaaa isso não pode porque fere a constituição ” nossas lei estão ficando cada vez mais passível de varias interpretações, e , o pior é que são absurdas ! Digo isso pois sou estudante de direito. Nos estamos ferrados. ” grandes revoluções requerem grande derramamento de sangue ” . Sou contra este pensamento, mas parece que vai chegar um momento que isso vai acontecer pela indignação da população global.

  5. Gilvan Brollo says:

    Excelente medida do governo brasileiro, quem não deve não teme, dirijo a 30 anos e todos os dias vejo barbaridades no transito , quem esta contra essa medida provavelmente, devem ser aqueles motoristas que não aceitam regras e muitos desses vivem provocando tragédias , as medidas boas só são elogiadas quando são implantadas la fora do Brasil, como fica essa vergonha aceita pelo pais de 50000 mortes e acidentados por ano ! vamos acordar vamos deixar de pensar em nós mesmos e numa falsa privacidade, as ruas são de todos ,elas não são uma extensão do nosso quintal ,por isso acho que o governo deveria implantar o mais breve possível essa portaria

  6. RUBENS PROENCA says:

    O Siniav so ira trazer maleficios para a populacao. Assim como o carro podera ser localizado quando roubado, podera ser localizado para ser roubado.

    Depende de quem ira monitorar isso. Outra questao vem a ser a fraude em vaaaarios Detrans do pais…Basta dizer que esta cantinela torna-se velha. A Policia tambem surgiu para nos defender. Hoje basta ver o nomero de policiais envolvidos com sequestros e outros crimes. Com este Siniav sera uma farra, Nao confio e nao quero.

  7. Lauri Kruger says:

    E-mail enviado, hoje, para siniav.denatran@cidades.gov.br:
    Prezados senhores:
    Em razão da implantação do SINIAV, impõe-se alguns questionamentos, a saber:
    1 . As informações armazenadas no sistema serão integralmente disponibilizadas ao cidadão, proprietário/arrendatário do veículo, mediante simples solicitação, ou será necessário manejo de habeas data, para garantia do direito constitucional de informação (questão levantada por Frédi Krüger)?
    2. Havendo controle do fluxo de veículos, serão implantados sistemas que determinem a pronta recuperação de veículos furtados/roubados?
    3. Em razão da questão levantada no item anterior (2), será promovida uma ação direta, que resulte na imediata redução do custo dos seguros contra roubo/furto de veículos?
    4. Como é que serão conduzidas as questões relativas à inércia governamental quanto à recuperação, quando da identificação de veículos furtados/roubados, que cruzarem pelos pontos de checagem do sistema, no que diz respeito ao direito de indenização que o cidadão terá (responsabilidade objetiva do Estado, nestas circunstâncias, quando comunicado o roubo/furto)?
    5. Haverá alteração na sistemática de cobrança do IPVA, para compatibilizar o custo/valor cobrado, com a quilometragem proporcional do veículo, no período?
    6. Haverá cruzamento com o sistema de inspeção veicular, para retirar de circulação veículos que não satisfaçam os requisitos de segurança para circulação?
    7. Existe garantia ABSOLUTA de que o sistema não será utilizado/disponibilizado para particulares, a fim de exploração comercial (nessas circunstâncias, os pedágios que utilizarem o sistema para cobrar conforme o percurso JAMAIS poderão ser privatizados)?
    8. Se vier a ser comprovado que o sistema foi utilizado por particulares, a indenização por dano moral (nesse caso, in re ipsa) poderá ser postulada (e recebida) administrativamente, ou será necessário procedimento judicial?

    Aguardo um retorno, com os esclarecimentos necessários.
    Att.

  8. Edu Nicácio says:

    Tenho acompanhado esse assunto há tempos e, cá para nós, ou o brasileiro passa a andar na linha no trânsito com esse sistema (conversão proibida, excesso de velocidade, trafegar na contramão, etc), ou será um “Deus nos acuda”.

    Vejo dois pontos positivos na proposta:

    1. Poderemos contratar, se quisermos, um serviço de monitoramento 24h para nossos veículos. Seria o fim do seguro veicular? A recuperação de veículos roubados/furtados seria mais eficaz (pelo menos 99%)? Isso decretaria o fim dos carros brasileiros “frios” que circulam pela Bolívia e Paraguai?

    2. O Governo Federal, estabelecendo uma tarifa única de, digamos, R$ 0,01 por quilômetro rodado nas rodovias, sejam federais ou estaduais, estaria garantindo cobranças mais justas de pedágio. Exemplo: hoje, para ir de São Paulo a Monte Alegre do Sul, percorro 138 km e gasto, no pedágio de Mairiporã, o equivalente a R$ 1,30 em cada sentido, ou R$ 2,60 no total. Com esse dispositivo, eu pagaria exatos R$ 1,38 em cada sentido, ou R$ 2,76 no total. Ainda assim, um valor justo.

    E, por falar em pedágio, alguém consegue me explicar porque gasto R$ 20,00 SOMENTE PARA IR de São Bernardo do Campo a São Vicente – distantes entre si 46 km – ao passo que gasto R$ 2,60 num percurso de 276 km (ida e volta), entre Santo André e Monte Alegre do Sul?

  9. Marcos says:

    Mais uma jogada do Governo para arrecadar impostos, aumentar a milionária indústria da multa e ainda controlar a privacidade das pessoas!

    Como se não bastasse IPVA, Seguro Obrigatório, Licencimento, Inspenção veicular, inventaram mais uma mamata para tirar dinheiro dos contribuintes!

    E a minha privacidade como fica? bando de safados!

  10. Paulo says:

    País miserável esse. Só pensam em arrecadar, arrecadar, arrecadar, arrecadar e arrecadar cada vez mais à custa de um povo idiota, pacífico, burro, sem educação.
    Dá nojo de ver uma notícia dessas. Invasão de privacidade levada às últimas consequências.
    Ninguém questiona nada e vamos todos continuar nessa merda que vivemos. Estado onipotente, ineficaz que não é capaz de proporcionar absolutamente nada para sua sofrida população; escolas públicas que são verdadeiros centros de treinamento de criminosos, hospitais caindo aos pedaços, segurança pública então, minha nossa, dá até medo de olhar para a cara dos policiais, tamanha é o baixíssimo nível educacional dessa cambada que se esconde atrás da farda.
    Quer uma solução? Suma o quanto antes……

  11. Paulo says:

    Inacreditável como na enquete ao lado tem um monte de gente que apóia. Não dá pra acreditar. Essa porcaria só vai servir para controlar quem é honesto e paga impostos para ver se dá pra tirar mais um pouquinho deles. Vocês realmente acham que vai funcionar contra roubos, furtos etc ?
    Na primeira semana já vão piratear. E não duvido se pessoas de dentro das próprias empresas privadas envolvidas ou do Detran não facilitarão as coisas para que isso aconteça

  12. Leosom says:

    PALHAÇADA, eu ainda vou ter que pagar por uma coisa que eu NÃO QUERO, NÃO PRECISO E VOU NEUTRALIZAR ASSIM QUE POSSÍVEL?
    Eu achei que o governo não tinha como lesar ainda mais o cidadão, mas vi que estava enganado.

    Quem aí é burro/ingênuo o suficiente pra acreditar que isso vai reduzir o nº de roubos e furtos?
    Porra, isso é mto revoltante, se eu quiser um rastreador no meu carro, EU MESMO instalo, não quero ser obrigado a isso

  13. DANIEL says:

    Eu não sei quem é mais ignorante, a população ou os imbecis que criaram, os que desenvolveram ou os que apoiam, por que isso será um mau para todos, com argumentos lógicos mas maliciosos. SINIAV ACORDA!!!!!!

  14. Felipe says:

    Isso é um absurdo, é o BBB da vida real, monitoramento constante. Siniav é inconstitucional e abusivo, vai ser ótimo pra multar geral e fazer o Estado lucrar rios de dinheiro.

  15. Luis says:

    admin Posted on Ole1 Vilmar, para participar da nossa promoe7e3o e9 pscrieo que vocea publique essa frase em seu twitter. O vencedor sere1 o que tiver a frase com mais RTs! Boa sorte.

  16. murillo says:

    CONTRA!

  17. Paulo Maia says:

    É sempre assim, o governo pensa que todo mundo é trouxa, travestem um ato de controle e vigilância do cidadão como algo bom e necessário, mas somos todos simplesmente considerados suspeitos ou criminosos em potencial. Uma ação civil pública contra isso já!!!!

  18. Matheus says:

    Parabéns ao governo pela iniciativa. Se bem implementado, o sistema resolverá alguns dos maiores problemas do país. Falta de privacidade? O registro de tráfego pode trazer benefícios maravilhosos. Pode tornar inviável a circulação de veículos roubados ou furtados, por exemplo. Impressiono-me com a falta de sensatez das pessoas em reclamar da iniciativa. Esse medo de vocês é decorrente de quê? Acabar com a impunidade no trânsito vos assusta? Ou seria a imaginação da possibilidade de serem descobertos pelas esposas em trajetos que rumem a um motel, por exemplo?
    Graduando em Eng. Mecânica pela UFRGS, e você?

  19. Hendrik Vorster says:

    Estamos usando esse sistema atualmente no controle de barcos em Amsterdam e Haarlem, com a tecnologia conhecida com “RFID active tags”. O usuario paga uma taxa anual e recebe um “tag”, o qual e colado em seu barco. Tambem e possivel o uso de RFID com “Passive tags”, o qual exige menos manutençao, ja que nao tem uma bateria interna, mas o alcance pela antena e menor. Com esse sistema fica muito facil detectar o veiculo, instalando antenas em pontos cruciais.

  20. Adans says:

    Uma vergonha para a população, rastreamento? legal é só instalar em qualquer empresa, custos baixíssimos devido a concorrências, mas se for monopólio privado pelo governo, já pensou o que vai virar, já basta pagar IPVA e PEDÁGIO, ou seja, 2 vezes, agora será 3 vezes? só brasileiros para aceitar mesmo que ladroes autorizados ganhem mais ainda.

Deixe um Comentário: